We use our own and third-party cookies to improve browsing and provide content of interest.

In continuing we understand that you accept our Cookies Policy. You can modify the cookies storage options in your browser. Learn more

I understand

Artigos

Baterias de condensadores estáticas: uma realidade

ligado .

 

Desde há muitos anos a compensação de reacção converteu-se em um dos primeiros passos para melhorar a eficiência energética das instalações. Desde o seu início e com o passar dos anos, as técnicas de compensação evoluíram, adaptando-se a novas necessidades (basicamente a tipologia de cargas que é necessário compensar) e a novas tecnologias disponíveis.

Assim, no início, a técnica de compensação mais habitual era a utilização de baterias de condensadores com manobra por contatores. Este sistema de compensação continua a ser óptimo para sistemas equilibrados e para compensar cargas que tenham cadências de conexão e desconexão sem serem excessivamente rápidas, da ordem dos segundos, mas cada vez é mais normal encontrar, na maioria das instalações, cargas desequilibradas e com cadências de manobras realmente rápidas.

Com o passar do tempo e com a utilização cada vez maior de cargas mais dinâmicas em muitas instalações, houve o aparecimento de uma nova técnica: a utilização dos contatores estáticos (relés de estado sólido ou tiristores) para manobrar os condensadores de uma bateria. Esta técnica dispõe de uma série de vantagens importantes a respeito da compensação com manobra através de contatores:

  • Velocidade de resposta: a utilização de tiristores permite a compensação em instalações com variações de carga altamente flutuantes (em ciclos, da ordem de ms), convertendo-se na melhor solução para a correcção de cosφ de cargas muito rápidas. O caso paradigmático seria a compensação de soldaduras mas também estariam dentro desta lista de cargas susceptíveis os elevadores, ascensores, compressores, etc.
  • Eliminação do desgaste mecânico: os contatores têm uma vida mecânica limitada e isto dá azo à necessidade de manutenções periódicas para assegurar o bom funcionamento da bateria. A utilização de manobra com tiristores eliminar esta necessidade, alargando assim a vida útil do conjunto da bateria e reduzindo os custos de manutenção.
  • Menor ruído: a utilização da electrónica na manobra elimina os ruídos mecânicos gerados pela entrada dos contatores que podem resultar em problemas nas instalações destinadas a serviços.
  • Eliminação de transitórios na conexão: a utilização de placas de controlo de passagem a zero assegura a eliminação de transitórios na conexão do condensador, o que cria uma maior vida útil do mesmo e a eliminação de perturbações na rede eléctrica.

No início desta nova tecnologia o principal problema da mesma eram os custos elevados que tinha, o que significava que o investimento neste tipo de equipamentos suponha para a maioria das empresas períodos de amortização longos que dificilmente justificavam os gastos, mas ainda assim se comparavam com a compensação tradicional com contatores.

FO OPTIM EMS-C 250x250

A CIRCUTOR foi pioneira no desenvolvimento da tecnologia utilizada nas baterias estáticas e inclui as mesmas no seu catálogo há 20 anos, convertendo-se numa referência desta técnica dentro do mercado eléctrico. Nos últimos tempos foi realizado um grande esforços na I+D+i para adequar as novas tecnologias que surgiram a esta técnica de compensação, desenvolvendo uma nova gama de baterias estáticas que recorta drasticamente a diferença de preço entre os sistemas de compensação (contatores/tiristores) e elimina, assim, a discussão principal para a escolha de uma bateria de condensadores estática como método de compensação.

Assim, a CIRCUTOR lançou uma nova gama de baterias estáticas, a EMS-C, ideal tanto para aplicações industriais como por exemplo soldadura com arco, arranque de compressores, gruas ou diferenciais mas também no sector dos serviços, como por exemplo comunidades de vizinhos, para compensar os ascensores, dado que com a técnica tradicional por contatores estes não ficam bem compensados devido à sua rápida cadência de entrada e saída.

Graças à minimização da diferença de custos entre a compensação clássica com contatores e a compensação avançada estática, a CIRCUTOR converte a eleição de uma bateria estática de um pormenor técnico numa realidade tangível, ao alcance de qualquer bolso.

 

Mais informação sobre Serie OPTIM EMS-C. Baterias automáticas de condensadores com contactor estático

 
 

Documentação Baterias de condensadores

 

Consultar novidades na Seção Novidades.
Seguir as mensagens no Twitter, e LinkedIn.

circutor32x32

Contacto

CIRCUTOR, SA
Vial Sant Jordi s/n, 08232
Viladecavalls (Barcelona) Spain
Tel: (+34) 93 745 29 00
Fax (+34) 93 745 29 14

Serviço de Assistência Técnica

(+34) 93 745 29 19

SAT